Comentar

Dossiê Algoritmos

Os algoritimos são preditivos, podem apontar tendências mas podem também ajudar a criá-las, em sofisticadas estratégias de manipulação. Daí a importância em se pensar critérios para sua regulação que garantam mais transparência. Como são planejados por humanos, expõem preconceitos e podem até reforçá-los. Por outro lado, abrem novos horizontes para a criação artística, trazendo novas interrogações para a já combalida noção de uma autoria centrada no sujeito.  Não há dúvida de que se tornaram um relevante objeto de estudo e reflexão, como mostra o recente Dossiê Algoritmos publicado pela ComCiência, Revista Eletrônica de Jornalismo Científico.

Em destaque, os artigos Regulação algorítmica e os Estados democráticos, de Sergio Amadeu da Silveira, e Vaticínios punitivos: os algoritmos preditivos e os imaginários de ordem e cidadania, de Alcides Eduardo dos Reis Peron, e as reportagens Inteligência artificial expõe estereótipos e preconceitos embutidos em conjunto de dados, de Maria Letícia Bonatelli, e Arte criada por algoritmos, de Luanne Caires.

Clique aqui para conferir a edição completa.

 

CAPTCHA
This question is for testing whether or not you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
5 + 6 =
Resolva este problema matemático simples e digite o resultado. Por exemplo para 1+3, digite 4.