Está sentindo asfixia de tanto ler as mesmas notícias repetidas infinitamente pelas redes privativas e fechadas? Seus problemas acabaram... O Journal Nodo Común é um aplicativo que reúne uma série blogs recomendados sobre comunicação, cultura, arte, ativismo, gestão cultural, comunicação comunitária, feminismos, hacking e muito mais.

O website da Coalizão Direitos na Rede é uma importante referência para acompanhar as discussões que dizem respeito à Internet Livre no País. Criada em julho de 2016, a CDR é uma rede independente de organizações da sociedade civil e ativistas, cujo objetivo é contribuir para a conscientização sobre o direito ao acesso à Internet, a privacidade e a liberdade de expressão.

O website Commons Transition Primer, criado pela P2P Foundation, traz uma série de recursos – entre textos, infográficos, áudios e vídeos –voltados aos estudos e debates a respeito de inúmeras iniciativas que estão sendo criadas em todo mundo baseadas na produção entre pares (P2P) e com vistas a geração de um bem comum (Commons).

O ColaBoraBora é uma comunidade emergente, sediada na Espanha, que se reúne em torno de iniciativas socialmente transformadoras a partir do cotidiano, do pequeno, do próximo e do afetivo. Conheça mais aqui. 

Recentemente, eles publicaram um texto abordando as chamadas tecnologias brandas. Seguem alguns trechos para inspirar a leitura:

O website do Institute of Network Cultures traz informação e análise de diversos aspectos da cibercultura. O instituto criado em 2004 por Geert Lovink pesquisa as culturas das redes na interação entre novas formas de media e os usuários dessas novas formas. Suas pesquisas abrangem design, ativismo, arte, filosofia, teoria política e estudos urbanos, não se restringindo apenas aos limites da internet.

Para conhecer o que vem sendo inventado e experimentado pelo mundo afora com vistas à construção de uma alternativa para as crises econômica, política e ambiental que vivemos nos dias atuais, vale muito a pena ler o blog da P2P Foundation.

A plataforma editorial Piseagrama é dedicada aos espaços públicos, existentes ou imaginários, e tem trazido excelentes reflexões sobre novas formas de se viver em comum. A revista tem versão online e impressa. O tema da última edição é Autogestão, com matérias sobre Liderança Distribuída, Democracia Sem Partido, Política do Algoritmo, entre outras. Leitura mais do que recomendada. 

Acesse aqui.

The Next System Project reúne pesquisadores, teóricos e ativistas em busca de modelos político-econômicos alternativos que possam oferecer perspectivas viáveis e sustentáveis para uma efetiva mudança social. Com foco maior nos Estados Unidos, o projeto também está atento ao pensamento teórico e estratégico e às experiências concretas inovadoras ao redor do mundo que possam apontar caminhos sustentáveis. No website do projeto, várias publicações com contribuições relevantes, como as de Trebor Scholz e David Bollier, entre outros.

O site Baixa Cultura traz reflexões bem embasadas sobre cultura livre e (contra) cultura digital. Além de notícias sobre iniciativas nessa área, tem também uma biblioteca de artigos e livros sobre o tema e uma bela coleção de vídeos, muitos deles com legendas em português produzidas pelo grupo.